Amar se dando

COLOSSENSES 3.1-17

"Acima de tudo isto, porém, esteja o amor, que é o vínculo da perfeição." (Cl 3.14.)

Era um dia chuvoso de inverno. O frio obrigava muitos a permanecerem em casa, no leito. Um pequeno jornaleiro, vencido pelo frio e pelo sono, deitou-se na soleira de uma porta e dormiu. Um idoso senhor, ao passar por ali, compadeceu-se do menino e resolveu fazer algo por ele. Tirou o pesado casaco e o cobriu, deixou um bilhete ao seu lado, pegou os jornais, e saiu para vendê-los no quarteirão.

Existem muitos pequenos jornaleiros deitados à soleira das portas. Pais de família precisando de um apoio, de um trabalho para o sustento do dia. Jovens dormindo o sono do abandono, da rejeição, entregando-se às drogas, aos vícios, à morte lenta do pecado.

É preciso que nós, cristãos de fato, estejamos dispostos a amar dando a vida, o tempo, o sorriso, uma palavra amiga, a oração, e, até mesmo, como nos ensina Tiago, a nossa roupa e nossos recursos materiais (Tg 2.14,15).
Você está pronto a entrar nessa dimensão de vida? Nesse projeto de amor? A ser um discípulo do Deus de amor?

Quanta carência existe ao redor,
Quanta tristeza nos olhos estampada.
Quanta necessidade em vidas desamparadas.
Quanto trabalho a fazer:

É só levantar nossa fronte para ver.
Levanta, Senhor, teus obreiros!
Obreiros de amor e de ação
Dispostos a compartilhar, a se dar.
Eu quero ir. Eis me aqui: Usa o meu coração.

Pai, abre meus olhos para ver e sentir a necessidade de meu irmão, do próximo que está caído à beira da estrada e que, talvez, eu já tenha passado por ele sem fazer nada. Senhor, ajuda-me a ter um coração de amor. Amém.